top of page
Buscar
  • Foto do escritorLeticia Capuruco

A importância da mentalidade de crescimento para jovens atletas ( no esporte e na vida )

Existem inúmeras vantagens em jovens atletas adotarem uma mentalidade de crescimento nos esportes e na vida.


Os jovens que têm uma mentalidade de crescimento tendem a ver os erros como oportunidades de crescimento. Eles raramente dizem: “Eu não posso fazer isso”. Eles geralmente não se sentem “presos”, mas sentem como se estivessem aprendendo e crescendo.



A mentalidade de crescimento é quando acreditamos que nossas qualidades podem sempre ser cultivadas, o que nos leva a usar críticas, dificuldades e desafios como o ponto de partida para o desenvolvimento.

Atletas com mentalidade fixa, por outro lado, tendem a ficar presos. Eles dizem a si mesmos: “Eu nunca serei capaz de fazer isso”. Eles têm atitudes negativas sobre cometer erros, em vez de ver os erros como oportunidades de aprendizado.


Vou dar algumas dicas para ajudar jovens atletas a se concentrarem no crescimento.

Em primeiro lugar: concentrem-se nas experiências.

Os pais muitas vezes perguntam aos jovens desde cedo: 'O que você quer fazer?', como se houvesse apenas uma opção. Em vez disso, os pais devem incentivar as crianças a ficarem animadas com suas oportunidades e todas as coisas que podem experimentar.


Quando começamos a mudar nossa perspectiva para experiências que queremos ter na vida, em vez de algo tangível que precisamos obter, então nos preparamos para o sucesso.


Também é importante ajudar os jovens atletas a reconhecer quando estão em uma mentalidade fixa. Por exemplo, eles podem dizer a si mesmos: “Eu nunca serei capaz de fazer isso”.


Quando entramos nessa mentalidade, criamos uma profecia auto-realizável. Ajude os jovens a mudar sua mentalidade ate que digam a si mesmas: “Hoje não foi o melhor dia, mas aprendi muito”.


Muitos elogios e reforço positivo podem fazer os jovens se sentirem presos. Se os pais fazem elogios amplos e abrangentes , eles podem sentir que não precisam melhorar. Sugiro que os pais dêem feedbacks positivos muito específicos.


Por exemplo, escolha algo que o atleta fez durante um jogo que foi interessante ou único e comente sobre isso.

“Quando meu sobrinho esta desenhando, eu digo: Gosto muito dessa linha amarela aqui’.


Além disso, se os jovens estão se sentindo inseguros porque têm medo de se machucar novamente após uma lesão, ajude-as a dar pequenos passos.


Toda vez que você tem uma experiência que não resulta no trauma que você experimentou (de uma lesão por exemplo ), seu cérebro se reconecta, a memória muscular volta e o medo começa a diminuir .


Como deu para ver, o mindset de crescimento está por trás de uma série de competências desejadas não só no esporte, mas também no mercado de trabalho, além de ser responsável por uma relação melhor consigo mesmo.


Para ter um perfil sempre competitivo e alcançar sua realização profissional, lembre-se de investir em aprimorar suas habilidades técnicas e interpessoais.

18 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

コメント


bottom of page